O que é perfil comportamental? Aprenda mais sobre os 4 tipos

Não é novidade que a criação, cultura e muitos outros fatores influenciam no perfil comportamental de cada indivíduo. No entanto, o que muita gente ainda não sabe é que mesmo com muitas peculiaridades, o comportamento humano de maneira geral pode ser dividido em quatro principais tipos.

Mas o que esses perfis dizem sobre cada pessoa? O perfil comportamental basicamente é o mapa de cada pessoa e indicam possíveis modos de agir, pensar, falar e raciocinar.

Os quatro tipos de perfis são: comunicador, executor, planejador e analista. No entanto, não existem apenas 4 grupos de pessoas no mundo. Isso porque além de poderem ser combinados de forma diferente, os perfis comportamentais não rotulam ou taxam ninguém, mas sim explica a tendência do comportamento humano.

ENTENDA MAIS SOBRE OS 4 PERFIS COMPORTAMENTAIS

COMUNICADORES

Você já viu uma “pessoa elétrica”, daquelas que adoram falar (as vezes até alto), rir, brincar e na maioria das vezes estão de bom humor? Pois é, esse é um exemplo clássico de comunicador.

Como o próprio nome já diz, são aqueles que valorizam muito a comunicação. Além disso, são pessoas mais ativas, extrovertidas, falantes, não gostam de monotonia e geralmente são altamente influenciadoras – do tipo que gera engajamento.

Os comunicadores tendem a ser vaidosos, apesar de as vezes não ligarem muito para combinações de roupas, porque afinal de contas, para eles, o que vale mesmo é expressar toda sua alegria através das cores. E, mesmo rápido em suas atitudes, precisa tomar cuidado para não se distrair fácil e perder o foco na hora de executar as mais variadas atividades.

EXECUTORES

Com certeza você conhece alguém que tende a liderar os mais diversos tipos de grupo sem medo de se expor aos desafios. Muito provavelmente, essa pessoa é um executor.

Os executores são ativos, trabalhadores, determinados, perseverantes e não tendem a recuar diante de uma situação de risco. Com um espírito competidor na veia, perder uma partida de tabuleiro para eles pode acabar sendo uma derrota inesquecível.

Seu foco em resultados e sua alta energia dispensada na hora de entregar uma tarefa pode acabar fazendo com que seja ríspido com pessoas um pouco mais lentas nesse tipo de trabalho. Um ponto que pode ser melhorado, com certeza é o foco em pessoas.

PLANEJADORES

Todo mundo conhece alguém que é mais quieto, gosta de ficar na sua mesmo quando está entre amigos, não é mesmo? Com certeza essa pessoa que você acabou de lembrar é um exemplo de planejador.

As pessoas Planejadoras tendem a gostar de rotina, porque normas e regras já estabelecidas são fáceis e confortáveis de serem seguidas por elas. É o tipo de pessoa mais cuidadosa, controlada, tranquila e calma.

A paciência dos Planejadores tende a ser maior do que a de todos os outros perfis. Por conta disso, são bastante observadores e passivos e costumam estar sempre em um ritmo constante.

Se vê uma confusão quer estar bem longe e não se sente nada bem com isso. E, mesmo não sendo de muitos amigos, é totalmente verdadeiro e complacente com os seus. Geralmente, são pessoas de fácil relacionamento.

ANALISTAS

Ao contrário dos Comunicadores, que não se importam muito com a combinação da roupa, aqui temos um tipo de perfil comportamental que tende a ser mais discreto. Por conta disso, seu guarda-roupas tende a ser mais monocromático, isto é, mais preto, branco, cinza do que colorido.

Apesar de serem preocupados e rígidos com regras, são pessoas geralmente calmas e mais caladas. Ao mesmo tempo, são curiosos, intuitivos e de alta inteligência verbal.

É o tipo de pessoa que prefere observar as oportunidades e apresentar soluções momentâneas para problemas urgentes, do que se exporem ao risco. Até por isso, possuem alto índice de improvisação rápida.

Em contrapartida, seu pessimismo pode atrapalhar. Isso porque na hora de fazer alguma tarefa tende a calcular muitas vezes os riscos que aquilo pode trazer, e, portanto, prefere fazer o básico e não arriscar.

MAS PARA QUE SERVE O PERFIL COMPORTAMENTAL?

Se fossemos falar sobre todos os benefícios de uma análise de perfil comportamental, esse artigo nunca seria terminado para postagem. Mas com certeza, vale destacar alguns pontos:

Desenvolvimento Pessoal – Imagine saber seus principais traços de personalidade e aprender a lidar com suas fraquezas. Seria incrível, não é? E o melhor é que através do autoconhecimento muitas outas coisas podem melhorar, como por exemplo, o seu relacionamento conjugal, seu desempenho profissional, etc;

Recrutamento e Seleção – Diversas são as empresas que já utilizam a análise de perfil comportamental na hora de preencher os requisitos desejados em uma determinada vaga. Isso porque saber o perfil apropriado com o cargo com certeza ajuda e muito na hora de ter o sucesso empresarial desejado;

Motivação dos colaboradores – Saber engajar seus profissionais a um determinado projeto ou meta fica muito mais simples quando você sabe a linguagem a ser utilizada para com seus colaboradores ou superiores;

Além disso, o perfil comportamental ajuda e muito na gestão de pessoas, no processo de coaching, no desenvolvimento e treinamento de equipes, na sua produtividade, na cultura organizacional e em muitas outras áreas. Como seria para você potencializar todas as áreas da sua vida?

*O presente artigo não tem como função explanar todas as possibilidades, esgotar o tema, nem tampouco rotular seres humanos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *